fechar× Entre em contato 71 3242-1084 / 3491-0710

Reduza custos com os elevadores



Elevadores já foram os maiores vilões da conta de energia elétrica do condomínio. Agora, com novas tecnologias, o equipamento representa muito menos desse gasto mensal. Os elevadores também podem diminuir a representatividade nas contas de manutenção, se seguirem um bom plano de cuidados preventivos ao longo dos anos. Um equipamento que não recebeu esse tipo de atenção pode chegar a utilizar 30% dos recursos em manutenção preventiva.

Para manter os equipamentos em dia, veja as sugestões:

Modernização

Equipamentos modernos são mais econômicos. Estima-se que o consumo de energia do elevador caia em 40%. Mas, o aporte financeiro necessário para essa aquisição é muito alto. A troca de aparelhos deve ser feita a partir de 15 anos de uso ou quando o elevador começa a dar muitos problemas, apresenta desnível entre o andar e a cabina, emite barulhos mais altos e constantes que o usual, tem falhas e interrupções de serviço cada vez mais constantes e  consome muita energia elétrica.

Economia

Muito pode ser feito para que o equipamento siga funcionando perfeitamente e gastando pouco, como por exemplo: manutenção em dia, um equipamento bem lubrificado, com a tensão das correias corretas e um bom alinhamento do motor colaboram para que o elevador não gaste mais do que deveria, além de manter em dia sua vida útil; chamar apenas um elevador por vez; fazer revisões freqüentes; ter cuidado ao lavar corredores, para que a água não escorra prejudicando cabos elétricos do fecho entre outros e colocar panos nas portas para barrar a água.

Outro item importante é o tipo de contrato de manutenção. O indicado é o mais completo, que já inclui as peças, apesar de mais caro, essa despesa se mantém estável ao longo do tempo, evitando picos de gastos com peças esporadicamente. Independente do contrato escolhido, a empresa designada para fazer esse serviço deve contar com equipe de atendimento 24 horas, além de ser registrada no CREA.

Cuidado com empresas que cobram muito pouco. A manutenção/conservação de elevadores é assunto muito sério, e pode facilmente colocar em risco a vida de condôminos e funcionários. Neste caso não se trata de redução de custos e sim de está adquirindo um problema maior para o seu condomínio.


Adriana Novaes é bacharel em Direito pela UFBA, pós-graduada pelo Ministério Público-BA, advogada atuante no segmento civil e empresária no ramo de transporte vertical. Contato: adry_novaes@hotmail.com


 
Adriana Novaes, 20.JULHO.2015 | Postado em Elevadores
  • 1
Exibindo 1 de 1

Carregando...