Banner
 

25/09/2017

Uso de Home Office

Por: Carla Brayner

A ATIVIDADE POPULARIZOU ATÉ MESMO PARA SÍNDICOS PROFISSIONAIS

As pessoas estão em busca de produtividade, economia e praticidade. A oportunidade de usar sua residência como escritório, proporciona um trabalho com mais conforto e longe dos estresses nos trânsitos das cidades. O Home Office é muito utilizado por profissionais liberais e até mesmo, os síndicos profissionais.

As atividades à serem exercidas no Home Office devem sem só por telefone, computador, internet e outros meios similares, sem que receba cliente em sua unidade autônoma. “O NCC, a Convenção e o Regimento de um condomínio residencial são claros quanto à finalidade de não poder haver prática de comércio”, alerta Eunice Ribeiro, síndica profissional do Complexo Odonto Médico Itaigara e do Solar do Acupe. 

As interferências da administração do condomínio às unidades autônomas são limitadas, só no que interfere diretamente ao restante das outras unidades e ou áreas comuns, cabe intervenção. “Porém, existem atividades que trazem riscos à toda comunidade condominial, e não deixa de ser Home Office, como a comercialização de produtos químicos, de beleza e estética, entre outros. Todos com potencial para propagar incêndio, além da química utilizada, até as embalagens com caixas de papelão, quando armazenadas nas unidades autônomas. Nestes casos, há riscos para a comunidade, e pode até incidir contrário junto à apólice do seguro”, alerta Eunice.

“Desde o início da minha atuação co­mo síndica profis­sional em 2012, ado­tei o sistema Home Office. Diariamente atuo nas instalações dos condomínios, mas muitas tarefas preciso executar do meu “QG”. Os custos com a estrutura de um escritório convencional certamente incidiria diretamente nos honorários da sindicância profissional”, conta Eunice. 

Escritórios Virtuais

Na constituição do CNPJ, para ter liberação do TVL pela Sucom, a alternativa mais barata hoje em dia é o escritório virtual. “Mantenho todas as exigências legais: endereço fiscal, agendamento com os nossos clientes, recebimento de correspondências, ligações, etc... Se precisar de uma reunião com o cliente, tem toda a estrutura. Este serviço é contratado por pacotes, você escolhe o que melhor atenderá a sua necessidade”, diz Eunice, que utiliza a modalidade. 

No geral, é sempre bom ficar atento, principalmente na portaria, que controla o acesso de visitantes às residências. “Brincamos ao dizer que os porteiros sabem da vida de todos, mas é real”, finaliza a síndica.


 

Tags: Gestão  Home Office  Trabalho  

Comentários

Cadê o Síndico é uma realização da Editora União Salvador LTDA.

Travessa Francisco Gonçalves, 01, Edf. Reitor Miguel Calmon, Sl. 303
Comércio - CEP:40.015-090 71 3242-1084 / 3491-0710