Banner
 

15/05/2013

Inovação: o maior aliado da segurança

 
Como todos os equipamentos eletrônicos, os de segurança, também acompanham o avanço da tecnologia, que oferece cada vez mais produtos especializados, eficientes e confiáveis. A inovação proporcionou aperfeiçoar a qualidade dos produtos e a interação dos equipamentos com aparelhos eletrônicos (celular, tablets, lap tops e computadores).  
 
Evolução das câmeras e sensores
 
As inovadoras câmeras de segurança IP utilizam redes de internet para enviar as imagens, e podem ser acessadas à longa distância, pelo celular, por exemplo. Além disso, alguns projetos de segurança sincronizam sensores e câmeras, para gravar imagens somente quando o sensor detectar a aproximação de pessoas ou contabilizar quantas pessoas passaram em frente à câmera. “Tem sido muito comum utilizarmos sensores de presença que, quando acionados, disparam uma mensagem de texto para os celulares do responsável alertando para a presença de um invasor. Ao receber a mensagem, observamos as câmeras IP e ligamos para o cliente, através de um atendimento personalizado e protegido por senha, caso necessário, entramos em operação”, disse Marcos Santana, do Grupo Escolta VIP.
 
Além das filmagens, é possível utilizar o tablet, que tem tela touch screen, para liberar gravações de latidos de cachorros, acender luzes, abrir cortinas, etc, basta clicar na imagem do local correspondente para acionar o botão de comando programado. 
 
Existem diversos modelos de câmeras e sensores, por isso, é necessário que um especialista avalie os ambientes para instalar o equipamento adequado, elas gravam em preto e branco durante a noite ou em ou­tras situações com pouca luz (day/night), se movimentam e trazem o recurso de zoom (pan-tilt), que funcionam sem fio, por infravermelho, que gravam em HD e até modelos que rotacionam em 360º. Já, os sensores eles podem ser passivos infravermelhos,  que detectam movimentos num alcance de 15 metros; ativos infravermelhos, detectam movimentos numa distância de até 60 m em área aberta ou fechada; quebra de vidros; magnéticos, que detectam quando portas e janelas são abertos;  de impacto; anunciador de presença sem fio, muito utilizado para controle de entrada ou saída de pessoas; interruptor automático de presença, ativa a iluminação ao detectar um movimento em um raio de mais ou menos dez metros. Após uma duração regulável de dez segundos a dez minutos, apaga automaticamente a iluminação. Ainda é possível regular o funcionamento conforme o nível de iluminação ambiente (dia, noite, penumbra, etc.).
 
 
Biometria
 

A biometria, sistema que faz leitura das impressões digitais, íris, voz e palma da mão, está sendo utilizado em condomínios de luxo para controlar o acesso aos apartamentos e elevadores. Com acesso biométrico, também é possível cadastrar o chamado dedo do pânico, que ao ser lido pelo sensor, dispara um alerta para uma central de segurança tomar as devidas providências. 
 

 

Transponder
 
O "transponder" para automóveis, é um equipamento que emite sinais que permitem ao porteiro identificar os carros que estão prestes a entrar na garagem. Na porta do condomínio, uma antena receptora do sinal identifica o carro do condômino. O equipamento evita clonagem de carro, artifício que tem sido usado por assaltantes em condomínios. Existe também controles de acesso com dois botões, o que abre o portão e o botão do pânico, caso o morador esteja em perigo ele aperta o do pânico, que envia mensagem e chamada para a empresa de segurança ou porteiro. 



 

Tags:   

Comentários

Cadê o Síndico é uma realização da Editora União Salvador LTDA.

Travessa Francisco Gonçalves, 01, Edf. Reitor Miguel Calmon, Sl. 303
Comércio - CEP:40.015-090 71 3242-1084 / 3491-0710